Como manter um jardim bonito durante todo o ano?

Um jardim cuidado e bonito depende de vários factores, que vão desde a fase de planeamento e cultivo até aos cuidados diários de manutenção. As características do solo, o tipo de plantas, a intensidade do sol, a rega, tudo é importante para garantir que o seu jardim se mantém bonito todo o ano. Continue a ler para saber que cuidados deve ter.

 

1- Adapte a quantidade de plantas às características do seu jardim

O planeamento é fundamental em quase tudo na vida e o seu jardim não é exceção. Para evitar comprometer a qualidade do seu jardim e ter problemas mais tarde, é necessário que escolha a quantidade certa de plantas, levando em consideração fatores como a dimensão do terreno, as espécies escolhidas e o tipo de terra. Um número exagerado de plantas pode comprometer a qualidade do seu jardim.

 

É preciso conhecer bem o solo para escolher as plantas certas e saber como e quando fazer a manutenção do mesmo. Perceber também o nível de sombra e de exposição de sol é fundamental para escolher os tipos de plantas. Deve escolher as plantas que melhor se adaptam às condições disponíveis.

 

Nota: tenha também em consideração o tipo de raiz das plantas que escolher, para saber a distância a que deve plantar umas plantas das outras.

 

 

2- Não descure a manutenção

Ter um jardim bonito não é resultado do acaso, nem de uma receita secreta, mas sim de muito trabalho de manutenção.

 

É preciso contar com despesas em herbicidas, fertilizantes, adubos e utensílios que serão essenciais para cuidar do seu jardim.  

 

 

3- Faça uma gestão inteligente da água

A água é fundamental à vida e um jardim saudável e bonito está dependente da gestão que se faz dela. Água a mais pode ser tão prejudicial como água a menos. Uma vez mais, na fase de planeamento deve pensar a posição das plantas também de acordo com as necessidades de água, de forma a colocar tipologias semelhantes mais próximas.

 

 

4- Faça escolhas sustentáveis

Um cuidado importante para ter uma jardinagem mais sustentável é evitar desperdícios de água. Não utilize sempre a mangueira para regar as plantas. Use baldes e tire partido da chuva.

 

 

5- Procure soluções para garantir a luz solar

A quantidade de luz solar necessária varia para cada planta, mas, de uma forma geral, a luz solar é fundamental. Caso as condições naturais do seu jardim não garantam a luz solar necessária, há cuidados que deve ter para garantir que nenhuma planta recebe menos raios solares do que aqueles que precisa.

 

Os cuidados começam na fase de planeamento: quando as estiver a cultivar, coloque as plantas que necessitam de mais sol em posições privilegiadas.

 

Fique também atento às plantas que fazem sombra a outras e retire os galhos e ramos que for necessário.

 

 

6- Organize as plantas de forma inteligente

Na hora de comprar as plantas peça ajuda a um especialista de forma a garantir que na distribuição das mesmas agrupa aquelas que se ajudam entre si. Por exemplo: os malmequeres devem ser plantados junto de tomates, uma vez que os defendem contra pragas.

 

7. Invista no equipamento adequado

Para garantir um jardim bonito e saudável durante todo o ano é necessário investir em ferramentas para todas as fases do processo: desde o cultivo até aos cuidados diários de manutenção.

 

Analise as suas necessidades de materiais e inclua-os no seu investimento inicial.

 

Não descure também os cuidados de limpeza dos equipamentos e ferramentas de jardinagem para evitar a transmissão de fungos e bactérias para as suas plantas, que podem ser fatais.

 

Depois de usar as ferramentas de jardinagem, lave-as com sabão e água e seque-as antes de as guardar.

 

 

8- Utilização e impermeabilização de vasos e floreiras

Utilizar vasos é uma aposta segura que lhe dá a liberdade de mover as plantas para garantir as horas de sol necessárias.  

 

Se preferir use floreiras. Não se esqueça de que a circulação do ar e o solo drenado da forma correta são de extrema importância para o seu jardim ficar mais bonito.

 

Quando se fala de impermeabilização de jardins, fala-se, muitas vezes, da impermeabilização de floreiras ou jardineiras. O primeiro passo para uma boa impermeabilização é preparar a superfície destas.

 

Para cada local e situação existem soluções diferenciadas, que promoverão efeitos mais significativos. Será necessário considerar fatores como: se a jardineira é suspensa ou no solo, junto a paredes ou lajes, e o índice de insolação. Além disso, é importante analisar também quais as plantas mais indicadas para o espaço e o terreno disponível para a formação do jardim. Isto porque as raízes podem afetar as paredes das jardineiras ou mesmo lajes, provocando rachaduras e abrindo espaço para a infiltração da água. Há produtos impermeabilizantes que impedem o crescimento da raiz das plantas, sem danificá-las.

 

O segundo passo consiste em escolher materiais de qualidade, que atendam aos requisitos da obra e que sejam adequados a jardins. A realização da obra e a aplicação dos produtos impermeabilizantes devem ser feitas por profissionais habilitados para o trabalho.

 

 

 

VEJA TAMBÉM: Porquê optar por coberturas ajardinadas?

 

Descubra as soluções de impermeabilização da Prudêncio. Entre em contacto connosco e peça já um orçamento.

ENTRE EM CONTACTO CONNOSCO É um cliente, um fornecedor ou um profissional talentoso? Fale connosco!
NOME*
EMAIL*
CIDADE*
TELEFONE*
MENSAGEM*

Top