Reabilitação: uma tendência em crescimento no setor da Construção

 

 

À medida que o setor da construção cresce, a reabilitação torna-se uma tendência popular, a fim de se tirar o máximo partido dos recursos e infraestruturas já existentes.

 

Ao reabilitar edifícios e estruturas mais antigas, podemos criar novos espaços, preservando, em simultâneo, a nossa história e ambiente.

 

Neste artigo, vamos explorar os benefícios e as tendências da reabilitação no setor da construção.

 

Continue a ler o artigo e descubra o potencial desta solução.

 

 

Reabilitação: uma tendência em crescimento no setor da Construção

 

A reabilitação das construções

A reabilitação está na ordem do dia e tem sido um motor fundamental de revitalização do setor da construção.

 

Face ao aprofundamento da reflexão e da produção de conhecimento sobre as questões referentes ao património cultural e arquitetónico, previa-se, há já alguns anos, que o número de obras de reabilitação crescesse.

 

Com a saturação de construção nos grandes centros urbanos, esta tendência acentuou-se e a procura por edifícios para reabilitar aumentou. Os objetivos para reabilitar um edifício podem ser vários e vão desde a valorização de certas áreas ou locais ao aumento do interesse comercial, à conservação e preservação do património e à procura por parte de possíveis consumidores

 

De facto, a reabilitação de edifícios tem-se destacado perante as construções novas, pelo que são vários os desafios e as oportunidades para as empresas deste setor. Nesse sentido, a Prudêncio apresenta várias soluções de reabilitação, adaptadas às necessidades de cada cliente.

 

 

A reabilitação está na ordem do dia

 

Os benefícios da reabilitação

A reabilitação de edifícios é extremamente importante para se promover a valorização e dignificação dos edifícios que, tendo em conta as suas características arquitetónicas e o seu valor patrimonial, são exemplos de excelência.

 

Além disso, têm uma série de vantagens associadas:

 

  • A reabilitação de edifícios é aliada da sustentabilidade na construção, uma vez que a emissão de CO₂ que a demolição integral de um imóvel produz, bem como a sua posterior reconstrução são superiores à intervenção de reabilitação;
  • Reduz-se o custo com as demolições e na quantidade de novos materiais necessários a aplicar em obra, ou seja, é mais acessível reabilitar um edifício já existente do que construir um novo;
  • Há um aumento da produtividade, da segurança e da saúde da população, assim como das suas condições de trabalho e lazer;
  • A reabilitação é uma das áreas que mais interesse tem despertado junto dos investidores;
  • A reabilitação pode, muitas vezes, resultar num produto final de maior qualidade;
  • Esta solução dá uma nova vida aos centros históricos desabitados das cidades, pois disponibiliza apartamentos modernos em prédios reconstruídos.

Perante isto, prevê-se que a reabilitação no setor da construção tenha, cada vez mais, uma maior relevância para as populações, para a economia e para a sustentabilidade do planeta.

 

 

O compromisso com a sustentabilidade

A sustentabilidade é parte integrante da reabilitação – assim como da Prudêncio, o que significa que privilegiamos materiais e processos ambientalmente responsáveis nas nossas obras.

 

Ora, a reabilitação também privilegia o meio ambiente e procura diminuir os efeitos negativos que possa ter para o mesmo.

 

Aliás, a reabilitação de um edifício existente consome menos energia do que a construção de um novo edifício, o que resulta numa diminuição significativa do desperdício.

 

Além disso, a reabilitação pode ajudar a incrementar a economia local. Ao utilizarmos mão de obra e materiais locais, ajudamos a criar empregos e estimulamos a atividade económica na área. 

 

A reabilitação é, portanto, essencial no desenvolvimento sustentável. Ajuda-nos a proteger o ambiente e a reduzir a nossa dependência de novas construções.

 

 

A importância da reabilitação de coberturas

As coberturas são a principal proteção dos edifícios e, por vezes, é difícil perceber quando é necessária a sua reabilitação.

 

As coberturas são, muitas vezes, o princípio da deterioração e desvalorização dos edifícios, visto que os problemas que podem emergir são um risco muito grande para toda a envolvente.

 

Ainda antes de chegar ao fim da sua vida útil, é natural que a cobertura enfrente falhas e anomalias devido a inúmeras condições. Pode apenas parecer envelhecida e desgastada, mas é preciso estar muito atento aos sinais que, à primeira vista, passam despercebidos. Só assim é possível fazer uma correta manutenção e proceder à sua reabilitação no momento certo, evitando problemas maiores ao longo do caminho. 

 

É muito importante fazer esta inspeção pelo menos duas vezes por ano para garantir o bom funcionamento da cobertura e, consequentemente, do edifício. Tal inclui realizar limpezas, inspeções periódicas e pequenas reparações. Também pode optar pela reabilitação integral da cobertura, caso se conclua ser o mais sensato.

 

 

Obra da Prudêncio no Pingo Doce de Loures - Reabilitação de cobertura metálica

 

 

A Prudêncio reabilita a sua obra

Está à procura de serviços de impermeabilização em Portugal? Nós resolvemos o seu problema!

 

Impermeabilizar é a forma mais eficaz de evitar infiltrações ou fugas de água que possam pôr em causa o património.

 

Fique a conhecer as nossas soluções de impermeabilização, reabilitação de coberturas e isolamento. Estamos em Braga, no Porto e em Lisboa e realizamos obras por todo o país.

 

Entre em contacto connosco.

ENTRE EM CONTACTO CONNOSCO É um cliente, um fornecedor ou um profissional talentoso? Fale connosco!

    NOME*
    EMAIL*
    CIDADE*
    TELEFONE*
    MENSAGEM*

    Top